Vou fazer 18 anos, meu pai pode parar de pagar a pensão?

Não. E é preciso que as pessoas entendam que não há na Lei nenhuma idade que possibilite o término automático do dever de pagar os alimentos.

O alimento devido até os 18 anos possui como fundamento o poder familiar, após os 18 “automaticamente” o que mantém o direito ao recebimento dos alimentos é o dever de solidariedade, situações que estão previstas nos artigos 1.566 e 1.696 do CC.

Assim, atualmente, a grande maioria das decisões entendem que os alimentos devem ser pagos até que o filho conclua o ensino superior, algo em torno de 24 anos. Porém, em caso de comprovação de que o filho está empregado o valor poderá ser revisto, como também poderá ser revisto para os casos em que o filho não possui interesse em estudar etc.

Portanto, também, após os 18 anos, caso exista o interesse em alterar o valor da pensão de alimentos a discussão deverá ser realizada judicialmente caso não tenha acordo, não podendo o pai deixar de pagar os alimentos de forma automática, pois, ao adotar tal procedimento será considerado devedor e poderá ser preso.

Gostou? Compartilhe, envie suas dúvidas e sugestões

Alexandre Berthe Pinto
Alexandre Berthe Pinto
Advogado, Inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil Secção de São Paulo; Membro da Comissão de Direito Condominial da OAB-SP; Membro da Associação dos Advogados de São Paulo; Cursou Pós Graduação em Direito das Famílias e das Sucessões (EPD), É Pós Graduando em Direito Aplicado aos Serviços de Saúde; Ao navegar Fone 11 5093-2572 - Skype alexandre.berthe - WhatsApp 55 11 94335-8334 - E-mail alexandre@alexandreberthe.com.br - www.alexandreberthe.com.br e é participantes de sites como www.pensaodealimentos.com.br - www.problemasnocondominio.com - www.fraudebancaria.com.br e outros

2 Comentários

  1. Ana Paula disse:

    A pensão foi formalizada legalmente. E nela fixado duas porcentagens uma estando empregado e outra sem emprego e direcionado a Empresa atual que o pão trabalha.
    Ao ficar desempregado ele pode adotar automaticamente o valor fixado por desemprego?
    Ao mudar de Emprego ele pode adotar automaticamente o valor de porcentagem referente ao novo salário?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *